Deus criou as pessoas para amar e as coisas para usar, mas há pessoas que amam as coisas e usam as pessoas?!...


Sim!...
Eu já conheci alguns e acredito que muitas pessoas também já conheceram os famosos manipuladores/oportunistas.
Os manipuladores/oportunistas estão nos lugares que frequentamos no nosso dia a dia. Pode ser o chefe, o vizinho, um colega de trabalho, um cliente, um parente distante, alguém próximo ou amigo.
Estou falando de pessoas que dominam certas técnicas e que as usam para nos confundir.
Embora estejam ao nosso redor, não é fácil detectar estas pessoas.
No entanto, podemos dizer que os objetivos destas pessoas são claros, instrumentais e seguem um determinado padrão.
Sabendo quais são, será mais fácil notar e não nos confundirão, desta forma, não seremos marionetes nas mãos dos outros.
Quando você se opõe a pessoas assim, é normal a raiva deles aumentarem em alguns segundos, especialmente se você não entrar no seu jogo.
Nossa paz interior começa no mesmo instante em que não permitirmos que nos manipulem ou nos enganem. Ela surge quando as nossas emoções não podem ser usadas com base nas exigências alheias.
Essa sensação de paz é o reflexo exato de que tomamos uma decisão certa. Este é o sinal mais evidente, graças ao qual teremos a garantia de manter um equilíbrio mental e físico.
Assim, o que devemos pretender é lidar com as expectativas que temos sobre nós mesmos.
Quando nos submetemos ao que os outros esperam ou buscam em nós, estamos priorizando as opções dos outros e deixando de dar importância ao que nós realmente precisamos.
Deixar para trás as pessoas que fazem mal sempre será uma escolha positiva.
Quem cultiva sua paz interior transmite tranquilidade ao resto do mundo. Por quê? Porque a mente é como água. Quando está calma, pode refletir a beleza do que a rodeia. No entanto, quando está agitada, não importa o que esteja na sua frente, será impossível refletir o que quer que seja.
Por isso é importante termos em conta que a paz interior é uma das maiores riquezas que alguém pode possuir.
Que alcancemos sempre a paz.

Elisabete Rodrigues sentada no chão/grama do Parque Ibirapuera em São Paulo (Foto: Vinicius Barros)

Elisabete R💋drigues






Leia muito mais com UOL por 1 mês Grátis
Notícias do Brasil e do mundo de até 3 dispositivos
São Milhares de conteúdos para ler em qualquer lugar.
Experimente um mês gratis!
Experimente um mês gratis